Percevejos de cama são pequenos parasitas que podem ficar nas costuras dos colchões, rachaduras e cavidades nos estrados das camas. Nos últimos anos, houve um drástico aumento no número de infestações desses percevejos, o que se deve principalmente pelo aumento na quantidade de viagens e tráfego de pessoas, e também pela prática de adquirir móveis de segunda mão. Essas são duas boas formas de espalhar esses pequenos insetos por toda parte.É aterrorizante pensar que esses parasitas podem infestar seus pertences e passearem até por dentro das suas roupas. E as viagens são os momentos de maior risco de  infestações. Quer ter uma viagem sem esse tipo de preocupação? Aqui estão algumas dicas:

 

  1. Antes de viajar:

Mesmo que você ainda esteja planejando sua viagem, já é possível se prevenir contra os percevejos de cama. Algumas pesquisas sobre a região de destino e o hotel podem fazer toda a diferença na hora de escolher um local livre dos parasitas. E para quem estiver indo para a América do Norte ou para o Reino Unido, há o site bedbugregistry.com, que apresenta um banco de dados público e gratuito de casos sobre percevejos de cama em hotéis dessas regiões.

 

  1. Durante a viagem:

Quando você já estiver em seu hotel, existem precauções importantes a se tomar, primeiro você deve   prestar atenção principalmente nas camas, colchões, roupas de cama, travesseiro, cabeceira, móveis, principalmente os de madeira, como armários, mesas, escrivaninhas, bem como os acolchoados, sofás e poltronas, que também podem ser alvos dos percevejos. Procure não apenas pelos percevejos em si, mas também por seus rastros, ovos e manchas escuras. Após a verificação, o ambiente estará mais seguro e você, menos exposto a esses parasitas. Tome muito cuidado com seus pertences, você pode ter checado o local, mas nem sempre isso é o suficiente. Afinal, insetos tão pequenos e discretos são difíceis de serem encontrados. O mais importante em uma viagem é manter a bagagem protegida. Hotéis podem ser pontos de muito acúmulo desses parasitas, mas também de sua transmissão.

 

  1. Após a viagem:

Para não ter problemas com os percevejos de cama, essa talvez seja a etapa mais importante. Fora de casa não temos todo o conhecimento e controle sobre o local em que estamos, mas em casa podemos e devemos estar seguros contra esse parasita. As precauções anteriores podem ter evitado completamente os percevejos. Porém, para maior segurança, é muito importante retirar todas as roupas e demais itens da mala e lavá-los. Usar água a 60ºC e, de preferência, secá-los em uma secadora por 30 minutos garante que qualquer possível parasita que ainda esteja em seus objetos e roupas seja eliminado completamente. Limpar a própria mala antes de entrar em casa com a bagagem complementa uma viagem totalmente sem riscos de infestações.

Assista a este video super interessante de como fazer uma verificação e detectar a presença de percevejos de cama

https://www.youtube.com/watch?v=H-YaIK54XVE